Novo Ensino Médio: o que você precisa saber?

8 minutos para ler
Powered by Rock Convert

Você já deve ter ouvido falar a respeito do Novo Ensino Médio e sobre a reforma aprovada, não é mesmo? Afinal, esse é um dos assuntos mais abordados e discutidos nos últimos meses, uma vez que é uma grande mudança nessa etapa final do ensino básico.

É muito importante que você fique por dentro dessa reforma, já que, certamente, os seus filhos vão passar por esse processo e precisam de todo auxílio durante a transição.

Como você já deve imaginar, o Novo Ensino Médio vai revolucionar o nosso modelo educacional. O currículo vai ser alterado a fim de assegurar que os estudantes escolham a área em que desejam aprofundar os conhecimentos e, com isso, se preparar melhor para a futura carreira que terão — e é exatamente isso que você deseja para os seus filhos, não é mesmo?

Quer saber mais sobre essa reforma e entender como vai funcionar o Novo Ensino Médio? Então, continue a leitura deste post e tire as suas dúvidas sobre o assunto!

O que é o Novo Ensino Médio?

O Novo Ensino Médio representa uma reforma em toda a estrutura do atual sistema de ensino do Brasil. Segundo o MEC (Ministério da Educação), o objetivo principal é aproximar os estudantes das transformações do mercado de trabalho, garantindo uma formação mais atualizada.

A principal proposta da reforma dessa etapa final do ensino básico é estabelecer uma estrutura curricular comum a todas as instituições de ensino, que vai ser definida por meio da BNCC (Base Nacional Comum Curricular), e outra bem mais flexível, organizada pelo próprio aluno.

Ainda segundo o Ministério da Educação, a intenção é garantir mais autonomia para os estudantes definirem os rumos da sua educação, em conformidade com os seus interesses e suas afinidades pessoais.

Powered by Rock Convert

Como será o funcionamento do Novo Ensino Médio?

A BNCC é um documento que define os elementos comuns e obrigatórios a todas as escolas, desde a Educação Infantil até o Ensino Médio, e que vai nortear o novo currículo.

O MEC, em abril de 2018, entregou ao CNE (Conselho Nacional de Educação) a última versão da BNCC. O documento define que a carga horária desse Novo Ensino Médio contará com o total de 3 mil horas.

Dessa forma, 1.800 delas serão destinadas ao currículo comum e 1.200 horas serão para os itinerários formativos. Estas serão as matérias do Novo Ensino Médio:

    • linguagens e suas tecnologias;
    • ciências humanas e sociais aplicadas;
    • ciências da natureza e suas tecnologias;
    • matemática e suas tecnologias;
  • formação técnica e profissional.

Apenas as disciplinas de matemática, português e língua inglesa vão ser obrigatórias nos 3 anos do Ensino Médio. Para os alunos indígenas, fica também assegurado o ensino das línguas maternas. Além disso, fica a cargo de cada município e de cada estado organizar os seus currículos escolares, tendo sempre a BNCC como base.

O que muda com o Novo Ensino Médio?

Temos certeza de que os pais de crianças e adolescentes estão preocupados com o que muda com o Novo Ensino Médio, já que se preocupam como isso afetará os filhos — e não é diferente com você, certo? Portanto, listamos as principais alterações:

Carga horária

O antigo Ensino Médio contava com 800 horas anuais. Já o Novo Ensino Médio tem 1.000 horas por ano.

Disciplinas

As disciplinas no antigo sistema eram:

    • português;
    • biologia;
    • matemática;
    • física;
    • filosofia;
    • química;
    • geografia;
    • sociologia;
    • história;
    • artes;
    • educação física;
    • língua estrangeira;
  • literatura.

O novo sistema contempla língua portuguesa, matemática e língua inglesa como obrigatórias, além de 5 áreas do conhecimento:

    • linguagens e suas tecnologias;
    • matemática e suas tecnologias;
    • ciências da natureza e suas tecnologias;
    • ciências humanas e sociais aplicadas;
  • formação técnica e profissional.

Turno

No antigo Ensino Médio era possível estudar em 3 turnos: matutino, vespertino ou noturno. Após as mudanças há a proposta de escola em tempo integral — ou seja, o horário de estudo vai desde a manhã até a tarde.

Com relação à carga horária, 60% serão para o currículo base, enquanto 40% serão para as disciplinas eletivas dos itinerários formativos. Tal flexibilização vai oferecer ao aluno a opção de escolher a área do conhecimento que quer aprofundar — sem contar que o ensino técnico vai poder ser feito concomitante ao Ensino Médio.

As redes de ensino não serão obrigadas a ofertar todos os itinerários. Isso vai ser definido por cada escola segundo as suas condições de oferta e de funcionamento.

Na última versão da base, ficou estabelecido que os estudantes vão ser cobrados conforme suas competências e habilidades nas áreas de ciências humanas e da natureza — cada uma das 5 áreas dos itinerários formativos determina competências que eles devem adquirir ao longo do curso.

Quais são as principais dúvidas sobre o Novo Ensino Médio?

Pensando em você e em seus filhos e nas dúvidas que podem surgir ao longo da implementação desse novo modelo, listamos as principais que podem surgir!

O Novo Ensino Médio exclui disciplinas dos currículos?

É bem o contrário disso, afinal, a proposta atual da base mobiliza conhecimentos de todos os componentes curriculares em suas habilidades e competências — por isso, torna seu desenvolvimento obrigatório.

Os Projetos Pedagógicos e os currículos de referência das redes que vão definir a organização e o modo de ensino dos conhecimentos, bem como os conteúdos de cada um desses componentes, levando em conta as características e particularidades de cada região.

Como será a formação técnica e profissional do aluno?

A formação técnica e profissional vai ser mais uma opção para o estudante. O Novo Ensino Médio vai permitir que o jovem escolha uma formação técnica e profissional dentro da carga horária do Ensino Médio regular.

Então, ao final dos 3 anos, os sistemas de ensino vão certificar o aluno no Ensino Médio e também no curso técnico ou nos cursos profissionalizantes que ele escolheu.

Os alunos serão orientados para a escolha dos itinerários formativos?

A lei dispõe a respeito do desenvolvimento de projetos de vida dos alunos, o que vai ser o momento decisivo para refletir sobre o que se quer e conhecer as possibilidades do Novo Ensino Médio.

A instituição de ensino deverá criar momentos e espaços de diálogo com os alunos, avaliando seus interesses, mostrando suas opções e, consequentemente, dando orientações sobre o que ele deve fazer.

É imprescindível o trabalho com o desenvolvimento do projeto de vida dos estudantes, para que eles sejam capazes de fazer escolhas conscientes e responsáveis, em diálogo com suas aptidões e seus anseios.

O suporte dos pais também vai ser de grande relevância durante todo o processo, garantindo que os filhos estão avaliando as possibilidades com atenção e de modo a guiá-los ao que é melhor para eles.

Quando o Novo Ensino Médio entra em vigor?

Segundo o MEC, o Novo Ensino Médio será implantado após a aprovação da base. Serão pelo menos 4 anos para as instituições de ensino criarem um novo cronograma, alterarem os materiais didáticos e se atualizarem à nova legislação. É esperado que as mudanças comecem a acontecer realmente ao longo de 2019.

No entanto, será apenas a partir de 2021 que todas as instituições de ensino deverão já ter adotado o Novo Ensino Médio e a BNCC como currículo obrigatório a todos os alunos que ingressarem nessa etapa da educação básica.

Provavelmente você deve estar se perguntando: e quanto ao Enem, o que muda com o Novo Ensino Médio? Essa é uma grande dúvida que cerca o tema. A prova deve sofrer alterações para abarcar as alterações que a reforma do traz.

Estudiosos da área da educação acreditam que o exame deverá ser restrito às 1.800 horas do currículo comum entre as instituições de ensino, já que os itinerários formativos vão ser diferentes em cada escola e vão depender da escolha de cada aluno.

Enquanto as mudanças não são colocadas em práticas, é importante ficar atento e acompanhar as notícias sobre o Novo Ensino Médio para se preparar para as novas mudanças, que vão afetar principalmente os alunos que estão cursando o ensino fundamental atualmente.

Quer saber como o novo ensino médio funciona na prática? Agende uma visita e conheça nosso colégio!

Powered by Rock Convert
Powered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-